5 sugestões para ser um bom negociador e receber bons descontos

O resultado de uma boa negociação tem que render bons frutos para ambas as partes. Portanto, nada de ser inflexível como se apenas os seus interesses estivessem em jogo. Confira nossas sugestões para tornar-se um bom negociador e conseguir bons descontos para sua empresa


13/11/2018 - Canal do Empresário

Quem tem – ou já teve – um negócio próprio sabe que negociar é parte indissociável da rotina de qualquer empreendedor. É preciso ter jogo de cintura para lidar com prestadores de serviço, fornecedores parceiros e até mesmo clientes. E mais, é preciso entender que o processo de negociação o levará a um acordo entre duas partes. Ou seja, o resultado dessa negociação tem que render bons frutos para ambas as partes. Portanto, nada de ser inflexível como se apenas os seus interesses estivessem em jogo.

De acordo com a pesquisa ‘Benefícios de se tornar empresário’, publicada pelo Sebrae em abril deste ano, o rendimento médio mensal dos empregadores é 3 vezes superior ao dos empregados. E para 57% dos entrevistados “manter renda” e “ter independência financeira” são os principais motivos para se investir na própria empresa. Essa renda, claro, será diretamente impactada pela capacidade de negociação, e consequentemente de gestão, do empreendedor. Veja aqui cinco sugestões para tornar-se um bom negociador e conseguir bons descontos para sua empresa:

01 – Aprenda a ouvir – Bons negociadores fazem poucas perguntas e escutam muito o que a outra parte tem a dizer. Possivelmente, nessa primeira conversa você conseguirá várias dicas que precisa para conseguir um maior poder de barganha.

02 – Vá para negociação munido do máximo de informações que puder. Pesquise o produto ou serviço que você precisa contratar para sua empresa.

03 – Justifique sua oferta. Descubra maneiras de mostrar o valor da solução que você está propondo e apresente um diferencial para essa solução.

04 – Seja paciente, a ansiedade pode estragar uma boa chance de negociação. Normalmente quem consegue esperar consegue as melhores ofertas. Mesmo que o outro lado tenha pressa, não atropele o processo.

05 – Não entregue o jogo logo de cara, mas também esteja preparado para ceder. Por mais que você não deva demonstrar, inicialmente, o quanto precisa daquele produto ou serviço, tenha cuidado com o excesso de “charme” que pode afugentar um ótimo parceiro/fornecedor. Saiba fazer concessões na hora certa.

 


Receba notícias e informações sobre o Canal do Empresário