Migrando para o interior: empresas que saem das capitais em busca de economia


27/12/2018 - Canal do Empresário

Não é de hoje que empreendedores mudam os endereços de suas empresas para o interior, ou para municípios da região metropolitana em busca de incentivos de impostos, redução nos custos de produção, melhorias na condição de logística e, consequentemente, redução dos custos operacionais.

Entretanto, apesar da ideia parecer bastante atrativa à primeira vista, é preciso considerar muitos aspectos além dos custos com impostos. Essa decisão depende muito do tipo de negócio e da sua projeção financeira. Além disso, é importante considerar também o enquadramento fiscal da empresa.

Por exemplo, alguns municípios da região metropolitana de São Paulo oferecem descontos no ISS (Imposto Sobre Serviço), mas não sobre o ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e prestação de Serviços

Paulo Pereira é empreendedor de tecnologia, já esteve à frente de algumas startups e teve a experiência de estruturar suas empresas em São Paulo e em Barueri. Ele diz que a tomada de decisão precisa ser colocada no papel: “Nós tivemos que fazer contas mesmo. Para saber o quanto a isenção de impostos entre uma cidade e outra vale realmente a pena, em contrapartida de alguns aumentos de custos”, explica.

No seu caso, os gastos com deslocamento de funcionários e prospecção de clientes foram decisivos para decidir ficar em São Paulo nessa nova fase. Mas ele alerta que tudo vai depender realmente do desenho da empresa: “Eventualmente se a atuação da empresa depende do escoamento de mercadores ou se é uma empresa pequena sem equipe de funcionários, a economia pode compensar”.


Receba notícias e informações sobre o Canal do Empresário